Igreja Cristã Evangélica
... e neste lugar darei a paz, diz o SENHOR dos Exércitos. Ageu 2:9

PALAVRA PASTORAL

Vigiai e Orai para não cair em tentação. Mateus 26:41

Lutar para alcançar as coisas que são de Deus.

Talvez você  leia a frase acima e comece a pensar: realmente eu tenho que lutar para adquirir  mais bens, ganhar mais dinheiro e conquistar mais riquezas.

Mas a verdadeira vontade de Deus para a sua vida é que você  guarde a sua vida para que no momento definido por Deus, você alcance o grande  milagre dele, a SALVAÇÃO.

Faltava pouco para Jesus ser preso e Ele estava angustiado, então  foi orar e buscar o conforto de Deus (como provavelmente tem sido  a sua atitude nessas  situações), e Jesus levou consigo alguns dos seus discípulos e os orientou:  Mateus 26:41 Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; na  verdade, o espírito está pronto, mas a carne é fraca.

Muito se fala a respeito da necessidade da oração, mas pouco  se fala na necessidade de vigilância e no versículo acima Jesus deixa claro que  essas atitudes, as duas atitudes, são necessárias para não cairmos em tentação  e consequentemente não pecarmos contra Deus.

A nossa luta para alcançarmos as coisas santas de Deus deve ser diária, e aquele que não ora, deixa de sentir Deus e deixa de ser fortalecido por Ele,  pois na oração sincera, sentimos Deus e Ele nos revela e nos faz lembrar, muitas  vezes, de trechos da sua palavra, que nos confortam e nos trazem o ânimo necessário  para nos levantarmos.

A atitude de vigilância é fundamental, porque a  carne  deseja as coisas que  são supostamente boas para o  corpo e para a mente e  não  deseja as coisas que são de Deus (do Espírito): Gálatas  5:17  Porque a carne  cobiça contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne; e estes opõem-se um ao  outro; para que não façais o que quereis. Quando você permite que isso aconteça, você se torna frio espiritualmente e passa a crer num Deus distante, que aceita qualquer atitude.

Existe uma luta incessante entre os desejos da carne (seus desejos) e os desejos do  Espírito (de Deus), você deve perceber isso e passar por cima dos sentimentos da carne e  dar espaço para as coisas que são de Deus, pois o que você acha, pense bem:  Mais importantes são os seus desejos ou os desejos de Deus?

É evidente que a sua resposta dever ter sido: lógico que são os  desejos de Deus. Então aja segundo  essa resposta e você não cairá mais nas  ciladas de satanás e  com o passar do tempo, você controlará mais o seu ser e  as  suas atitudes que não agradam a Deus. Você se aproximará mais de Deus, sentirá o seu Espírito e viverá muito melhor, com a paz do Príncipe da Paz, que é Jesus. Você verá.

Deus te abençoe.

Um abraço. Fique na paz do nosso senhor e salvador Jesus Cristo.

Pr. Val Martins
Enviar Indique a leitura desta mensagem para um amigo!